Seja Bem vindo!
Política

Dia da Margarida é celebrado na Câmara de Vereadores de Santo Ângelo

13 de agosto de 2019
Curta e Compatilhe

Uma Sessão Especial realizada na Casa Legislativa santo-angelense, na noite dessa segunda-feira, 12 de agosto, festejou o dia Dia da Margarida. A solenidade foi instituída por meio de Projeto de Lei, que estabelece a realização de atividades de conscientização e combate à violência contra a mulher.

Vando Nolasco (PDT), proponente  da homenagem, esclareceu que a data vem sendo celebrada em todo o país, desde 2000. O vereador recordou quem é Margarida Maria Alves, a mulher que dá nome ao dia e à Marcha das Margaridas, manifestação promovida pela Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), e que rememora a trabalhadora rural e líder sindicalista assassinada em 1983, quando lutava pelos direitos dos trabalhadores na Paraíba.

Ao se pronunciar em nome do Poder Legislativo, Nolasco falou que o intuito foi de “homenagear todas as mulheres margaridas, que lutam por justiça social, onde o direito de ir e vir seja preservado, que batalham por um país sem homicídios, feminicídios e que a mulher não passe por situações de violência”, afirmou, lembrando também o trabalho realizado pelas entidades no município, em prol do acolhimento e atendimento de vítimas de violência.

 Em seu discurso, a diretora da Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres, Simone Lunkes, apresentou dados de violência contra a mulher, da Secretaria de Secretaria de Segurança Pública do Estado do Rio Grande do Sul, e falou sobre a importância de denunciar os agressores e  de mudar atitudes. “Naturalizar a violência e reproduzir os nossos comportamentos ou falas, que muitas vezes achamos inofensivas, contribui e reforça para a violência, acabam por legitimar socialmente as agressões. É necessário refletirmos sobre elas e deixarmos de usá-las, para que assim, possamos realmente construir uma sociedade perpassada pela cultura da paz, do respeito e da igualdade” enfatizou.

Simone também ressaltou que promover ações que buscam conscientizar a comunidade sobre o combate à violência contra a mulher, como instituir o Dia da Margarida no mês de agosto, forma um marco na história de Santo Ângelo no que compete à luta pelos direitos das mulheres, além do fortalecer políticas públicas desenvolvidas no município.

O Promotor de Justiça da Terceira Promotoria Criminal de Santo Ângelo, Rodrigo Louzada, também se manifestou durante a solenidade, falando sobre o trabalho realizado pelo Ministério Público na prevenção da violência doméstica, com atividades educativas, em parceria com entidades e também com a Coordenadoria Municipal da Mulher (CMM).

A solenidade também contou com a presença do secretário da Indústria e Comércio de Santo Ângelo, João Baptista Santos da Silva, e a Juíza-diretora do Foro de Santo Ângelo, Marta Martins Moreira.

Assessoria de Imprensa

Uma resposta para “Dia da Margarida é celebrado na Câmara de Vereadores de Santo Ângelo”

  1. Roberto Schlick disse:

    Apoio !!! ?????

Deixe uma resposta