Seja Bem vindo!
NORTHON MOTTA-02/07/20
A RADIOCIDADE
WEINERT - 05/01/2024
trilegal-21/09/22
Giana - 08/06/24
28/02/2024
Evento

Justiça restaurativa apresenta e comemora resultados

Justiça restaurativa apresenta e comemora resultados
05/06/2024 às 18:06

Na manhã desta quarta-feira, 5, foram apresentados os resultados da Justiça Restaurativa na Comunidade de Santo Ângelo. Os membros do Comitê Gestor reuniram-se para avaliar as ações realizadas, as que estão em andamento e as propostas para o futuro.

A Justiça Restaurativa é um método que busca valorizar a autonomia e o diálogo, criando oportunidades para que as pessoas envolvidas no conflito (autor e receptor do fato, familiares e comunidade) possam conversar e entender a causa real do conflito, a fim de restaurar a harmonia e o equilíbrio entre todos.

O juiz Luis Carlos Rosa, coordenador da ação, liderou uma apresentação das atividades desenvolvidas em santo Ângelo. O principal destaque é a formação de 48 facilitadores que estão atuando nas escolas, com um trabalho preventivo e de instauração de uma cultura de paz. Rosa destacou ainda o projeto para que a Justiça Restaurativa chegue ainda ao sistema socioeducativo, atendendo adolescentes que estejam cumprindo medidas protetivas e suas famílias.

O juiz ainda agradeceu ao apoio do Governo Municipal, afirmando que o prefeito Jacques Barbosa foi sensível e apoia a iniciativa desde que o projeto foi apresentado a ele. Inclusive, a política pública tornou-se lei municipal aprovada no ano passado pela Câmara de Vereadores. As secretarias municipais de Governo e Relações Institucionais, Educação e Desenvolvimento Social e Cidadania integram o Comitê Gestor da Justiça Restaurativa.

O prefeito Jacques Barbosa observou que a Justiça Restaurativa busca a solução dos problemas pelo diálogo e respeito. “Acreditamos nessa política pública, já consolidada no município e entendo o quanto são fundamentais as capacitações e o gerenciamento dessa metodologia. Com servidores capacitados e facilitadores atuando, os resultados serão cada vez melhores”.

RELATÓRIO

A juíza Bianca Prediger Sawicki, da 2ª Vara Cível, apresentou o relatório das atividades desenvolvidas desde o início dos trabalhos, especialmente as ações desenvolvidas nas escolas da rede pública.

Também participaram do encontro, a juíza diretora do Fórum, Marta Martins Moreira; os secretários municipais Eliane Carpes (Educação) e Jânio Bones (Governo e Relações Institucionais); secretária do Centro Judiciário de Soluções de Conflitos e Cidadania (Cejusc), Angelita Dorneles da Silva; assistente social Sandra Friederich e a psicóloga Marilei Hermes, da SMEd.

 

DENGUE - 03/06/24
TRILEGAL - 17/07/24
NORTHON MOTTA-02/07/20
WEINERT - 05/01/2024
A RADIOCIDADE
28/02/2024