Seja Bem vindo!
Geral

Projeto de restauro da Capela do Colégio Verzeri é apresentado a imprensa

13 de novembro de 2019
Curta e Compatilhe

As dependências da Capela do Colégio Tereza Verzeri recebeu na manhã desta quarta-feira (13), representantes da imprensa quando foi detalhado pela Produtora Cultural da MK Produções Odila Motta, e pela direção do educandário o projeto de restauro da Capela do Colégio Verzeri.

O Projeto já está aprovado pelo Miistério da Cidadania/Secretaria ESpecial da Cultura, Giverno Federal, Lei Rouanet.

A partir de hoje os envolvidos neste projeto buscam as parcerias necessárias com todos os segmentos da sociedade para captação de recursos, sendo que este restauro deve ter o valor final em torno de 3,6 mihões. Em um primeiro momento, serão necessários R$- 1,5 milhão para início das obras.

O restauro é necessário o mais breve possível, uma vez que na atualidade o local começa a sofrer ameaças dos mais diferentes graus, como infiltração de água, rachaduras e desgaste ocasionado pelos anos.

ASSISTA VÍDEO-CLIQUE AQUI

SAIBA O QUE É O PROJETO

O Projeto de Restauro da Capela Teresa Verzeri, em Santo Ângelo/RS, segmento de Preservação de Patrimônio Material Cultural, foi aprovado pelo Ministério da Cidadania/Secretaria Especial da Cultura, Governo Federal, Lei Rouanet, artigo 18º, com PRONAC 192940, no valor de R$ 3.622.987,34, portaria nº 0630/19, publicada no DOU de 24/10/2019.

A Capela Teresa Verzeri, em Santo Ângelo, abriga importante acervo de Obras Sacras, pintadas pelo pintor italiano Emílio Sessa, em 1952/53. Desde então, nunca sofreu alguma intervenção de “reparos em sua preservação”, devido a escassez de recursos e falta de profissionais interessados em assessorar, sem custos no primeiro momento. Após dois anos de muito esforço e dedicação, foi possível formar equipe técnica, elaborar e aprovar o projeto.

Neste momento estamos iniciando as Captações junto às empresas públicas e privadas que pagam imposto de renda pelo lucro real, que tenham interesse em aportar o recurso incentivado e abater 100%, no Imposto de Renda Devido.

A Mantenedora da Capela “Associação de Literatura e Beneficência”, juntamente com o proponente do projeto o “Instituto Ações Integradas – IAI’, e demais apoiadores e defensores do patrimônio cultural brasileiro, estão envidando esforços para alavancar os recursos aprovados e dar início imediato às obras de reparos, que inicialmente passa pela parte externa (paredes e telhado), e a seguir a parte interna (paredes, móveis, piso e acervo artístico).

No entanto, considerando que o valor do projeto é significativo, e a capacidade de aporte das empresas locais e regionais, serem muito limitadas, pois são de pequeno porte, torna-se imprescindível a busca junto às grandes empresas privadas e estatais, em nível nacional. Por essa razão é importante o apoio da imprensa local e regional.

Os recursos serão aportados em conta captação específica, aberta pelo Ministério da Cidadania, junto a Agência 0138-4 do Banco do Brasil, em Santo Ângelo/RS, conta corrente nº 63306-2.

“Enfatizamos que estamos iniciando as Captações, em caráter de urgência, devido aos danos que aumentam a cada dia, e estão prejudicando o acervo”

Maiores informações e demais procedimentos, com a produtora cultural, Odila de Fátima da Motta, fone 55 98112 3100, e-mail: [email protected] ou com Irmã Assunta Roberti, diretora Financeira da Mantenedora: +55 55 99610-8508 e Maria do Carmo Uggeri Beltrame, diretora do Colégio: 55 55 99975 1004.

Projeto de Restauro da Capela do Colégio Verzeri. Obra artística do pintor italiano Emílio Sessa
Período: Ano: 2020 a 2024

Coordenação Geral

Mantenedora
1.1. Maria do Carmo Uggeri Beltrame
Diretora do Colégio Verzeri de Santo Ângelo
1.2. Assunta Roberti
Mantenedora – Porto Alegre
1.3. Helena Mary Jaques Martins
1.4. Sonia Gras
2. Produtora Executiva
2.1. Odila de Fátima da Motta
Diretora da MK Produções Culturais Ltda
3. Proponente e Gestor do Projeto
3.1. Instituto Ações Integradas – IAI
Presidente: Oscar da Fonseca Diniz Neto
Equipe Técnica:
Engenheiro Civil
1.1. Humberto Schmeing Marques
Diretor da Engemax
Arquitetos
2.1. Jonas Morschheiser e Mariane Limberger
Diretores da Metro² Arquitetura
3. Restauradores
3.1. Naida Côrrea e Arquiteta Marina Côrrea
Diretoras da Restaurus
3.2. Markus  Wilimzig
Diretor da  WP Projetos Arquitetura e Meio Ambiente
4. Produtora Executiva
4. 1. Odila de Fátima da Motta
Gestora de Projetos da MK Produções Culturais
Historiadores:
Instituto Emílio Sessa
1.1. Arnoldo W. Donerstien
1.2. Maria Regina Lisbôa
1.3. Maria Helena Montardo
1.4. Nilo Sérgio Montardo

Informações do Projeto:
PRONAC: 192940
ARTIGO: 18º DA LEI ROUANET
ÁREA: PROTEÇÃO DE PATRIMÔNIO MATERIAL
VALOR: R$ 3.622.987,34
PRAZO DE EXECUÇÃO: 29/2/2020 A 29/2/2024
PORTARIA DE APROVAÇÃO: 0630/2019 – DOU DE 24/10/2019

Etapas de captações:
1ª. 10% do valor para emissão do Parecer Técnico pelo Ministério da Cidadania, no valor de
R$ 362.298,73.
2ª. Captação de 20% do valor, para o Ministério da Cidadania autorizar o início das obras de restauração, no valor de R$ 724.509,46.
3ª. Continuação das captações do saldo e execução

As Cotas aportadas para o Projeto de Restauro da Capela do Colégio Verzeri, podem ser de valores mínimos ao máximo. Podendo ser mensal, trimestral ao anual, conforme a modalidade de pagamento do Imposto de Renda da Empresa. A empresa pode aportar quantas cotas desejar, durante a vigência do projeto.
Toda a empresa que paga Imposto de Renda pelo Lucro Real, pode aportar 4% do imposto devido ao projeto, e abater 100%. Os aportes podem durar até o prazo limite de captação.
Ex: IR a pagar: 100.000,00
4% 4.000,00 – creditado no projeto
Valor Guia: 96.000,00 – saldo imposto a pagar

Fotos e video RADIOCIDADESA

Nossos agradecimentos a Luiz Cabreira e Irani Brum

 

Deixe uma resposta